A Hora da Escolha – Treinamento para Líderes

Erros ao nomear as Lideranças.

 

Um dos erros comuns nas organizações, é a gestão selecionar um profissional de desempenho extraordinário e mandá-lo para um Treinamento para Líderes e promove-lo à uma posição que requeira a liderança.

Muitas vezes o resultado é a perda de um excelente profissional e o ganho de um líder ruim. Cria-se um problema difícil de se resolver. A intenção é das melhores, ao procurar formar um excelente profissional no Treinamento para Líderes, espera-se que ele consiga replicar esta excelência no comportamento dos liderados. Nada mais legítimo e bem intencionado, mas muitas vezes não funciona.
Em várias situações, excelência e liderança não tem nada em comum. Vindo de uma empresa que se ocupa do Treinamento in Company, pode parecer uma contradição, mas não é.
Acontece que líderes podem ou não ser excelentes em determinadas funções. Não sendo excelentes numa determinada habilidade, não significa que não serão líderes, ou serão menos líderes por causa disto. O contrário é verdadeiro também, ou seja, serem excelentes numa determinada habilidade, não significa que serão líderes por causa disto. Uma das nuances delicadas do Treinamento para Líderes contemporâneo.

Como o Treinamento para Líderes lida com esta questão e como identificar se uma pessoa tem ou não inclinação para a liderança ? A verdade é que não há uma fórmula definida, se houvessem fórmulas, a icônica pesquisa do Gallup, finalizada em 2014 não mostraria resultados que chacoalhariam o universo do Treinamento Empresarial e colocaria as empresas que ocupam-se do Treinamento para Líderes de cabelo em pé.

A pesquisa da foi realizada com diversas organizações de diversas atividades, ao redor do mundo, reunindo uma amostra de 27 milhões de funcionários e o resultado foi :

  • As organizações falharam na escolha do gestor correto em 82% dos casos.
  • Apenas 13 % dos líderes conseguem influir positivamente no engajamento dos profissionais sob sua liderança.
  • Apenas 1 em cada 10 líderes apresentam as características necessárias, e reconhecidas pelo seus respectivos times, para serem líderes.
  • Estes números tem representado a média dos últimos 12 anos, a contar de 2014 quando a pesquisa foi concluída. Resumindo refletiu a realidade entre 2014 e 2002.

 

Mostra que, ou o Treinamento para Líderes falhou em 82% dos casos ou as empresas não conseguiram levar à cabo o conhecimento proposto no Treinamento para Líderes em 82 % dos casos.

Na verdade a percepção que, hoje nutrimos em torno deste icônico trabalho, é que nenhuma e nem a outra resposta elucida sobre esta questão.
O únicos fatos constatáveis estão mostrados nas estatísticas e não há mais nenhuma constatação de que o problema é este ou aquele. Estes dados mostram que o ambiente corporativo, apesar de todos os esforços e investimentos em torno do tema, ainda não conseguiu gestar soluções realmente efetivas.
As Empresas de Treinamento e Desenvolvimento que ocupam-se do Curso de Liderança ou Curso de Gestão de Pessoas também tiveram de encarar o fato de não ter conseguido entregar a Liderança, de fato, e nem uma Gestão eficaz, o que de fato entregam é o conhecimento, as técnicas e os conceitos. Como este portfólio de informações será levado à cabo na organização, é outra história.

Parece que a pesquisa colocou, mais ou menos, as coisas no seu devido lugar e trouxe a consciência de que ainda temos muito o que aprender sobre Liderança e Gestão de Pessoas.
Também evidenciou que a técnica de se escolher os melhores, numa determinada atividade, para liderarem departamentos, ou grupos de pessoas, que dedicam-se à esta mesma atividade, o que é uma técnica muito comum ainda nos dias de hoje, não impactou nas estatísticas.
Como conclusão final é que temos de continuar aprendendo e nos desenvolvendo em torno destes temas, verificar aonde erramos e o que falta ser inserido no cardápio para que as fórmulas, gestadas pelo conhecimento, tornem-se mais assertivas e mudem as estatísticas, que são ótimos indicadores se estamos no caminho certo ou não.

 


TrainerBr

Suporte Trainer Br : +55 11 5613-6515
Mobile : +55 11 96590-4955
E-mail : relacionamento@trainerbr.com.br