Debates sobre Métodos – Treinamento para Líderes

Infantilização do Treinamento para Líderes – Uma Visão Crítica.

O estudo avançado da liderança e seus mecanismos já caminhou muito mais do que se imagina, ao ponto do Treinamento Empresarial tradicional ser considerado infantilizado ou inepto para tratar do tema Liderança. À luz dos autores contemporâneos mais respeitados como Barbara Kellerman, Warren Bennis, Peter Senge e o icônico Noam Chomsky, que quando aborda o tema passa como um trator sobre os conceitos clássicos, esta é a abordagem comum.

Nós que nos dedicamos a atividade do Treinamento para Lideres, somos forçados à perceber que estes autores trazem uma contribuição de fundamental importância, quando escrevem sobre o tema. Esta contribuição é a desmistificação, a revelação do que está, de fato, atrás da fórmulas. Esta infantilização é percebida por exemplo na profusão do Curso de Liderança que tem como roupagem as experiências lúdicas, coisas do tipo levar as lideranças da empresa para fazer rapel, canoagem ou trilhas para que nestes ambientes sejam elaborados os conceitos de liderança, gestão de pessoas, gestão de conflitos, desafios etc…

 

Se olhar bem de perto perceberá que é a técnica que se utiliza para a educação infantil mesmo. Para que se entenda melhor :
Numa criança as capacidades de racionalização, reflexão e posturas mais maduras diante de qualquer situação ainda estão em desenvolvimento, nada mais natural e faz parte do desenvolvimento da criança.
Para ensinarmos crianças, a via da racionalização, do olhar maduro sobre si mesma, a reflexão sobre suas complexidades e relação com o meio que a cerca, não é o melhor caminho, pois seu estado de desenvolvimento esta fora de sintonia com uma maturidade superior. Para a mente infantil um método que exija tal maturidade pode ser uma tortura e até gerar desvios indesejados na sua formação, não é assim que ela, criança, funciona. Portanto para ensiná-la adotam-se os caminhos indiretos como por exemplo submetê-la à experiências lúdicas procurando associá-las aos conceitos que pretendemos que desenvolva. Este é um dos métodos, através dos quais se ensina crianças, ou seja, indivíduos com a mente infantil.

Se perceber bem, é exatamente a mesma fórmula adotada por uma enorme quantidade de Empresas de Treinamento Empresarial, a fórmula da educação infantil. Resvalamos então na incômoda constatação de que para mentes infantís, nada melhor do que um método infantil. Claro que diante destas constatações, as reações emocionais são uma verdadeira avalance e não faltam defensores dos treinamentos lúdicos, é assim mesmo que funciona. Exigência de maturidade sempre gera reações.
Parece uma crítica dura, mas não é. É somente a observação, a comparação de um método que, para nossos tempos, parece que não funciona para a formação de lideranças ou qualquer outro desenvolvimento mais profundo em torno do tema. Até aqui dividimos algumas percepções de autores consagrados e a pergunta que poderíamos fazer é, porquê, então, um método superior não chega, ou tem dificuldades para chegar nas organizações?

O fato é que muitas Empresas de Treinamento e Desenvolvimento de Líderes não tem profissionais habilitados para uma abordagem mais madura. Também faz sentido porquê se fossem aptos à uma abordagem mais madura e não a realizassem, seria deliberadamente escolher pelo pior método, portanto seria um contra-senso ou má vontade deliberada.
Seja como for é uma provocação séria e embasada por acadêmicos que sabem, em profundidade, sobre o que estão escrevendo e detonam uma reflexão muito positiva sobre o Treinamento para Lideres. Será que não existem métodos e abordagens mais eficazes e maduras das que são oferecidas pelo Treinamento Empresarial contemporâneo?
Esta resposta deverá ficar para um breve futuro, à medida em que o debate esquentar e novos caminhos forem desenhados.

 


Fonte da Matéria : TrainerBr

Suporte Trainer Br : +55 11 5613-6515
Mobile : +55 11 96590-4955
E-mail : relacionamento@trainerbr.com.br