Fale com um Assessor: (0xx11) 96590-4955
   Suporte TrainerBr

Decisão Pessoal e o Líder – Treinamento de Liderança


Decisões Pessoais, Conhecimento e suas influências sobre a Liderança.

Pergunta enviada em 12/12/17:

O quanto há na liderança de decisão pessoal e de conhecimento? Nas empresas de hoje fazer um curso de liderança é condicionante para ser líder?

Sua pergunta, aparentemente simples, esconde algumas das delicadezas da liderança. Iremos dividir sua resposta em 3 partes distintas para que possamos contribuir com suas percepções em torno do tema.

Decisões Pessoais.

Decidir ser líder é um posicionamento importante de qualquer indivíduo, mas não significa que será um líder por que assim decidiu.
A liderança pressupõe o reconhecimento do ambiente o qual se pretende liderar, caso não haja este reconhecimento não há liderança. Poderá haver a posição de comando, mas não a liderança. O Treinamento Empresarial já reconhece que a liderança não é um fenômeno unilateral que parte da decisão pessoal de qualquer indivíduo.

Entretanto a decisão de participar do ambiente como líder é um primeiro passo fundamental para que a liderança possa acontecer no futuro. Após esta decisão há a necessidade de toda uma leitura do ambiente, construção de relacionamentos, preparação pessoal e reconhecimento do ambiente.

Fica claro que há um caminho a ser seguido por alguém que pretende contribuir com seu ambiente como um líder e este caminho pode ser rápido ou não, depende das complexidades do ambiente e dos relacionamentos.

 

Não podemos determinar o quanto da liderança é originada por decisão pessoal e cremos que ninguém possa fazê-lo, mas temos de admitir que o peso de uma decisão pessoal é importante para alguém que pretende a liderança de qualquer ambiente.

Há uma nuance importante a ser tratada. Vemos pessoas que nunca pensaram neste questionamento e acabam por serem líderes de seus ambientes. Vemos então que esta decisão tem um peso importante, mas não é uma determinante da liderança. Poderíamos afirmar que a decisão pessoal poderá dar uma consciência mais ampla da possibilidade de ser líder, mas não necessariamente só é líder quem passou por esta reflexão ou esta decisão.

No treinamento de liderança já afirmamos que esta é algo fugidio, sem fórmulas ou prescrições e de fato é. O que as empresas de treinamento procuram constantemente fazer é dar a elucidação sobre os mecanismos e as características fundamentais que definem a liderança para que, de posse deste conhecimento, o indivíduo possa orientar sua vida profissional ou pessoal com base em conhecimento tácito de observadores e estudiosos do tema.

Conhecimento.

Decidir ser líder é um posicionamento que influi porém não determina a liderança, até aqui esta construção está clara.
Quanto ao conhecimento é outro fator importante, mas também não define a liderança. O conhecimento, posto em seu devido lugar, é o portfólio de informações que o indivíduo possui e que coloca a serviço de suas atividades de forma que as torne mais fáceis, de maior alcance, mais produtivas etc…

Claro que é um fator importantíssimo e vemos que em nossos dias são raros os líderes que não se dedicam ao aprofundamento de seus conhecimentos em torno de suas atividades. No entanto somente possuir conhecimento não significa que um indivíduo será um líder.
O treinamento para líderes aborda bem esta questão e coloca o conhecimento no seu justo lugar de importância quando elucida que lideranças que se desenvolvem são aquelas que se desenvolvem com equilíbrio. Resumindo, se desenvolvem em todas as disciplinas necessárias para que a liderança seja robusta.
Tanto as hard-skills (conhecimentos de escopo técnico) quanto as soft-skills (conhecimentos conceituais e humanos) são importantes que sejam desenvolvidas constantemente, mas não determinam e nem são condicionantes de uma situação de liderança.

Sobre a exigência do curso de liderança.

Fazer um curso de liderança não é condicionante para ser um líder na maioria das organizações que conhecemos, no entanto todas estas organizações fazem com que seus colaboradores em posições de liderança façam um bom curso de liderança.
O objetivo é que estes colaboradores, conhecendo os fundamentos e mecanismos da liderança, possam se desenvolver e ao mesmo tempo desenvolver a organização.

Muitas empresas que nos consultaram recentemente foram precisas ao elucidarem que nunca passaram da Palestra de Liderança para um treinamento mais completo e continuado de capacitação de seus gestores. Isto revela que as organizações já perceberam que este nível de capacitação é importante e é justificado que se invista nesta preparação ao longo do tempo, mas não é uma condicionante para que alguém esteja na posição de liderança em qualquer organização.

Poderíamos afirmar que é uma orientação honesta da empresa quanto decide por uma preparação mais robusta para seus colaboradores em posição de gestão ou comando e com o tempo passa a ser uma estratégia de negócios a preparação de todo o corpo de gestores e líderes da organização.
Neste esforço de capacitação as organizações investem em várias modalidades de capacitação, desde a palestra empresarial até imersões mais ou menos longas aonde o nível de conhecimento proporcionado é mais complexo e detalhado.

Grato pelas perguntas e em colaborar conosco.

 

Fonte da Matéria : TrainerBr

Suporte Trainer Br : +55 11 5613-6515
Mobile : +55 11 96590-4955
E-mail : relacionamento@trainerbr.com.br

TrainerBr Treinamentos Corporativos

Rua São Francisco Xavier, 101
São Paulo - SP Cep: 04456-030
Suporte Trainer Br : +55 11 96590-4955
relacionamento@trainerbr.com.br

Matérias & Publicações – Blog

Conheça a Trainer Br